História

A Banda Musical de São Tiago de Silvalde teve a sua origem na Tuna Orfeão de Silvalde. Oficialmente, a primeira direção da Banda Musical remonta ao ano de 1960.

Desde Sebastião Ribeiro, ainda no tempo da Tuna, a Hugo Marinheiro, o atual, vários foram os maestros que contribuíram para o desenvolvimento da coletividade. Especial destaque deve ser feito ao maestro André Serrano, o primeiro maestro após a transformação da tuna em banda e que a dirigiu por cerca de duas décadas, sendo ainda hoje bastante recordado.

Das atividades que a Banda tem desenvolvido há a realçar a participação nas festas da freguesia e da paróquia, através de concertos e atividades dirigidas à comunidade Silvaldense, com especial destaque para o Concerto de Natal e Concerto de Abertura de Época.

Contudo, não é só na freguesia que se regista a atividade da Banda. É convidada todos os anos para participar nas festas de cariz religioso em várias localidades do país.

Participou nas festas da Corunha (Espanha) e da Vila de Castelneau de Medoc, situada na zona de Bordéus (França).

Em 2010 participou no Festival de Bandas - Filarmonia ao mais alto nível, II Ciclo, 2ª Edição, realizado no EUROPARQUE, em Santa Maria da Feira, tendo sido convidada pela organização do festival a voltar ao mesmo palco, em Novembro de 2013.

A convite da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República a Banda adere à iniciativa - Bandas em Uníssono, no dia 05 de outubro de 2010, tendo executado o Hino Nacional em frente à sua sede.

Do seu registo discográfico, constam 3 CD's, gravados em 2000, 2007 e 2012, afirmando a vontade em divulgar o bom trabalho que se tem vindo a desenvolver ao longo dos anos.

Ao trazer crianças para a sua escola, a Banda Musical de São Tiago de Silvalde tem assegurada a sua continuidade. Até 2010, a instrução passava por um sistema de monitorização dos músicos mais velhos para os mais novos. Desde então, com a criação de turmas de Formação Musical e classes de instrumento, a Escola de Música aproxima-se dos modelos de ensino oficiais com níveis de aprendizagem progressivos. O trabalho desenvolvido ao longo de cada ano letivo é apresentado individualmente nas festas de encerramento de cada período e coletivamente pela Orquestra Juvenil que teve a sua primeira apresentação no dia 21 de Abril de 2012. No ano letivo de 2017, a Orquestra Juvenil altera o seu modo de trabalho uma vez que, a faixa etária da escola é cada vez mais baixa. Assim sendo, opta por iniciar um projeto novo, orientado para crianças que estão a dar os primeiros passos no instrumento (com recurso ao método Yamaha).

Da participação no 4º Concurso Internacional de Banda, realizado no Ateneu Artístico Vilafranquense a 28 de Abril de 2012, resultou uma pontuação de 88.2 pontos que serviu de alavanca para balizar um espírito de confiança e desejo de mais trabalho e evolução musical.

Desde 2013, a banda organiza em colaboração próxima com outras entidades o Estágio Nacional de Orquestra de Sopros de Silvalde, cujo sucesso ao longo dos anos demonstra um trabalho sério, dedicado e inovador. Destacam-se neste festival a presença pela primeira vez em Portugal do compositor norte-americano David Maslanka.

Em 2015, acredita que os sonhos se podem tornar possíveis e com o intuito de cativar os mais pequenos (e adultos também) realiza um musical com temas da Disney, denominado Walt´s Fest, esgotando as duas sessões na sala multimeios em Espinho. Em 2016, continuou a enveredar por este reino e realizou de novo outro musical com novos temas da Walt Disney. Foram um sucesso!

Em 2017 sobe, pela primeira vez, ao palco da Sala Suggia, na Casa da Música, participando no Encontro de Bandas Filarmónicas. Foi um enorme orgulho e prazer fazer com que o nosso repertório filarmónico ecoasse numa Casa que se torna também ponto de encontro para as trocas de experiências entre “músicos filarmónicos”.

Ainda em 2017 participa no IV Concurso de Bandas Filarmónicas, em Braga, fazendo parte das 15 bandas filarmónicas nacionais e internacionais que integram este festival. O principal objetivo deste concurso é dinamizar a atividade das bandas filarmónicas e projetar o trabalho realizado junto das comissões de festas de todo o país. Neste concurso, a Banda conquista o 6º lugar de entre as 15 bandas a concurso, cujo prémio é um contrato para a participação na festa do S. João de Braga 2018! Também o nosso maestro Filipe Fonseca, conquista, ainda neste concurso o 4º lugar na votação Batuta de Prata, para melhor maestro do certame!

No mês de Fevereiro de 2018 deixa aquela que foi a sua casa de ensaios e sede dos corpos sociais, situada no edifício sede da Junta de Freguesia estabelecendo-se na antiga Escola do Calvário, a sua nova casa! Na nova casa terá mais espaço para crescer, para educar para a música e para desenvolver novos projetos.

A Banda Musical de S. Tiago de Silvalde é uma associação cultural de referência que espelha e espalha a tradição Silvaldense.

Fevereiro de 2018

Apoios


Ultimas Notícias



Proximos Eventos


Contatos

Rua da Boa Nova nº430 ,
4500 - 618 Silvalde / Espinho

(+351) 916 426 751 - Presidente
(+351) 966 728 560 - Tesoureiro